Hormônios

Uma certa manhã acordei muito irritada, sem motivo algum, simplesmente sem paciência.
Um sentimento de insatisfação, colocando o foco da frustração nas relações, no trabalho, no vizinho, no barulho.
Tentava pensar positivo e de repente me percebia irritada novamente. Naquele momento eu pensei, porque não estou conseguindo sair dessa vibração?
E minhas fichas caíram, estava na TPM (hormônios).
Conforme eu percebi que estava na TPM comecei a observar os meus próprios sentimentos em relação as situações. Comecei a ter cuidado com quem eu falava ou onde eu queria ir para não ficar ainda mais irritada. Peguei este momento e me resguardei pois sabia que o meu pavio estava muito curto, então o melhor caminho era me manter fora de situações que eu me sentia irritada.
Comecei a ter pequenas ações comigo mesma que me fazia sentir incrível, desde tomar um café da manhã com calma, até fazer mercado no local que eu gostava, tomar um sorvete e chocolate quente. Percebi que o cuidado e as pequenas atitudes comigo faziam a diferença e eu ficava mais calma.
Caiu a ficha que atendo milhares de obrigações e corro o tempo todo, mas neste momento eu resolvi ficar em stand by, só fazia o que era extremamente obrigatório e apagava incêndio. Agia com muita paciência pois eu sabia que aquele sentimento de prazer não viria naturalmente.
Foi quando acordei depois de alguns dias sem aquela sensação de escassez e com aquele sentimento de paz e tranquilidade. Ufa primeiro dia da menstruação.
Algumas mulheres odeiam menstruar, mas eu me sinto aliviada… é um desconforto fisiológico, concordo, mas emocionalmente é bem mais fácil do que a TPM.
Neste período de menstruação percebi que já não sentia raiva ou irritação, simplesmente queria curtir pequenos momentos e ficar quietinha, ficar em casa.
Percebi um pouco mais lerda, sem muita energia ou disposição para grandes discussões ou para lembrar de coisas que não fazem sentido, momento que a minha falta de memoria e gigante e eu simplesmente não me cobro, deixo fluir, como se observasse mais as coisas, respirasse mais e fizesse mais pausas.
Até que um belo dia acordo novamente extremante energizada, vontade de estar no escritório, fazendo mil e uma coisas, marcando mil e um compromissos. Correndo como se não houvesse amanhã.
Concluindo as atividades paradas voltando a malhar todos os dias e me sentindo a mulher mais incrível e eficiente do planeta! ahaha
Aguarde os sintomas do próximo ciclo…

xoxo

LuCordeiro

Um comentário em “Hormônios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s